Foto: Photographee.eu/Shutterstock

O Outono começa no próximo dia 20, e com ele é chegado o momento de transformar os ambientes para conseguir mais conforto e, claro, aquele toque de estilo que é sempre bem-vindo! O blog dá as dicas para adaptar a sua decoração de maneira prática e conseguir aquele clima aconchegante que é tão próprio da estação.


Foto: Photographee.eu/Shutterstock

A paleta ideal

O Outono pede uma cartela que traga um pouco mais de calor, com um destaque especial aos tons terrosos e aos rosas, os grandes destaques do ano. “Essa é uma estação de transição que pede aconchego, mas sem abandonar totalmente a alegria do verão. Tonalidades acastanhadas, laranjas queimados e os bordôs são grandes apostas, e ainda trazem essa ideia do acolhimento. Para não pesar, vale combinar com o branco ou o bege, além de manter as cores da temporada anterior – como o living coral”, explica a arquiteta Bianca Atalla, do JMA Estúdio.


Foto: Photographee.eu/Shutterstock

Foque nos detalhes

Você não precisa trazer elementos grandes para conseguir o clima da estação – já que, muitas vezes, o segredo para o sucesso está nos detalhes. “Além das cores que já comentamos, temos também os metais em bronze e dourado (principalmente em acabamento fosco) e a madeira, que é outra responsável por criar essa sensação de aconchego e vida. No geral, aconselhamos a investir em tudo isso através de itens decorativos menores, como luminárias, potes, porta-velas e tecidos de maneira geral. É uma maneira de mudar com praticidade, frequência e sem erros”, aconselha.


Foto: Nastina/Shutterstock

Invista no tato

Não são apenas as cores que são responsáveis por trazer aconchego e acolhimento: as texturas também são elementos muito importantes e que fazem toda a diferença na maneira como você percebe o cômodo. “No Outono elas são ainda mais essenciais, e precisamos trazer tecidos que sejam gostosos ao toque e que tragam esse aconchego, como os tricôs, as lãs, as pelúcias e os veludos. Também é interessante trazer um pouco de fibras naturais, que são mais rústicas e caem muito bem. Para não errar, a dica é apostar na variação de tamanhos de tramas, combinando as mais grossas e maiores com as menores e mais delicadas para que não fique tudo muito uniforme”, aponta a especialista.


Foto: Photographee.eu/Shutterstock

Não se esqueça do tapete

E, claro, nenhuma decoração de Outono está completa sem um bom tapete! “Ele é realmente um elemento importante nessa época do ano e muda muito o espaço. Para quem tem medo de ousar, podemos usar tramas pequenas e de fibras naturais, como o sisal, que é delicado e remete à essa tendência de trazer a natureza para dentro de casa. Já quando pensamos em versões estampadas, o mais importante é que a linguagem dessa estampa esteja de acordo com o estilo de decoração do seu espaço, mesmo que a cor não seja a mesma. Um tapete azul, por exemplo, foge da cartela de outono, mas ainda funciona muito bem com ela”, conta.

Não sabe qual o tamanho certo para o seu ambiente? “Precisamos pensar em abraçar o espaço, mas sem delimitar muito à risca (terminando sem nenhuma folga embaixo de móveis), o que fica desconfortável e diminui o ambiente. Se vai colocar na sala, o ideal é que ele entre cerca de 20 centímetros para baixo do sofá e do rack para que não atrapalhe a circulação, e avance um pouco nas laterais”.