Você corta a etiqueta assim que compra uma roupa? Apesar da fama de incômoda, ela é uma grande aliada na hora de lavar e secar suas peças. Por isso, é importante ficar de olho nas instruções impressas nesse quadradinho de tecido. Quer entender melhor?

O primeiro passo é saber que cada símbolo disposto ali faz parte de uma categoria, como “Instruções Gerais”, “Temperatura da Água”, e “Uso de Alvejante”, e funciona como um aviso bastante específico. “Muitas roupas não podem ir para a lavadora na fase de centrifugação ou pedem cuidados com a secagem, por exemplo”, explica a personal organizer Margô Belloni. 

Como os ícones são muitos, no entanto, é quase impossível decorar cada um. Assim, o melhor é criar uma espécie de guia e tê-lo sempre à mão. “O mais recomendado é imprimir e colar esse material na lavanderia para que você, a família ou o empregado doméstico possam identificar rapidamente os cuidados e fazer essa lavagem da maneira correta”, indica.

Descubra o significado dos principais:

Instruções gerais

Uso de alvejantes

Temperatura da água

Sua lavadora tem a opção de água quente para eliminar sujeiras difíceis? Então ajuste a graduação de acordo com os ícones abaixo:

Secagem

Instruções ao passar

Lavagem a seco

Os sinais de lavagem a seco servem principalmente para orientar os profissionais da lavanderia que farão a higienização da peça. Portanto, se ela estiver sem etiqueta, é importante conhecer suas indicações específicas.

Rotina sem equívocos

Mesmo que você continue a cortar as etiquetas, é possível organizar as roupas por similaridade de orientação de lavagem ou até criar um pequeno catálogo. “Se você tem bastante espaço pode separar em seções dentro do guarda-roupa, deixando aquelas com indicações parecidas juntas (para facilitar, adicione um lembrete nessas áreas do armário com as instruções). Caso contrário, pode criar um álbum de fotos no celular ou em um caderno com o mesmo objetivo”, aconselha.

De olho nas cores

Além de analisar todas as informações descritas acima, outra dica valiosa é ter um cesto para roupas coloridas e um para as brancas, já que elas nunca devem ser misturadas. “Ter dois recipientes deixa o cotidiano mais prático, porque é só colocar o que está em um deles na máquina sem correr o risco de uma mais clara entrar sem querer. As peças de cores mais vibrantes podem soltar tinta, então devem ser lavadas junto de outras escuras ou igualmente coloridas para que você não manche nenhuma”, adverte.

Quer lavar e secar com mais eficiência? Conheça nossa linha de lavadoras e secadoras e escolha as ideais para facilitar o seu dia a dia.