Foto: Bogdan Sonjachnyj/Shutterstock

A chegada do verão traz consigo a necessidade de fortalecer os cabelos e prepará-los para os danos típicos da estação – que vão da exposição solar que enfraquece os fios, ao cloro e sal que podem resultar em ressecamento e até quebra. Mas não é preciso se desesperar: com os cuidados certos, é possível aproveitar o melhor da estação com eles sempre bonitos, saudáveis e bem cuidados.

“Precisamos de cuidados redobrados nessa época do ano, porque o sol e outros agentes externos degradam tanto a fibra capilar, quanto o couro cabeludo. Como já viemos de um período de mais danos por conta da pandemia – com excesso de lavagens e menos cuidados, preparar os cabelos se torna ainda mais essencial”, explica a tricologista e dermatologista Viviane Coutinho

Hidratação: palavra-chave do verão

Antes de aproveitar o sol, o mar e a piscina, é interessante montar um cronograma capilar de nutrição, reparação e hidratação – três pontos essenciais para não acumular mais danos e prejudicar os fios. “Nós vamos precisar de tratamento para balancear as necessidades, e isso inclui a reposição de aminoácidos através de reconstruções, que vão agir profundamente no fio e trabalhar a resistência, e a reposição lipídica, a hidratação, que lubrifica a parte externa. Devemos intercalar, e isso pode ser feito com uma reconstrução mensal, e máscaras de hidratação semanalmente. Já a lavagem comum deve ser feita dia sim, dia não, com xampu e condicionador indicados para o seu tipo de fio”, indica.

Foto: triocean/Shutterstock

Proteção solar também nos fios

Você sabia que, assim como a sua pele, os cabelos também precisam de proteção solar? “A proteção solar e térmica é para todos, inclusive homens, que têm menos cabelos e o couro cabeludo mais exposto. Os protetores específicos para os fios ajudam a criar uma película protetora que ameniza a agressão vinda dos raios solares, e é realmente uma questão de saúde. Devemos aplicar todos os dias”, conta.

Na praia ou piscina

Vai aproveitar as férias para um banho de mar ou piscina? Então não abra mão dos cuidados! “Além da proteção solar, é importante tomar uma ducha sempre que sair da água para já remover o excesso de cloro ou de sal, e repor esse protetor solar como você faria com a pele. Ao fim do dia, lave com um xampu suave, nunca o antirresíduo, que fragiliza ainda mais os cabelos. Complete com uma máscara hidratante para repor o que foi perdido”, ensina.

Foto: Svitlana Sokolova/Shutterstock

Chapéus, bonés e elásticos

Apesar de chapéus e similares criarem uma barreira mecânica para o couro cabeludo, a escolha é importante para que você não acabe tendo o efeito contrário – causando ainda mais danos: “Bonés precisam ter uma ventilação, com tecidos finos e que permitam o couro cabeludo respirar, para não abafarem e ajudarem na proliferação de fungos e bactérias que resultam em dermatites e descamações. Prender também deve ser feito com cautela. Sempre com os cabelos secos e elásticos revestidos por tecido, para não criar uma tensão que leva à quebra”.